Sobre amigos, amor e vinho (2014)

Crises amorosas e problemas pessoais ao redor de uma boa mesa

Crises amorosas e problemas pessoais ao redor de uma boa mesa

Um dos destaques do Festival Varilux de Cinema Francês, a comédia Sobre amigos, amor e vinho, em cartaz no Libert Mall, é, sobretudo, um filme para quem gosta de um bom prato e vinhos. Mas também para aqueles que gostam de se confraternizar ao redor de amigos agradabilíssimos. E outros não tão agradáveis assim.

Depois de um peripaque, o cinquentão Antoine Chevalier (Lambert Wilson) resolve rever seus conceitos sobre a vida. Um deles é de que não adiantou nada se cuidar com alimentos saudáveis, exercícios, enfim, uma vida sem excessos, já que o destino lhe pregou uma peça. Agora ele quer curtir os prazeres da vida. Assim, quando um compadre, por exemplo, pede para aconselhar o afilhado que anda mexendo com droga, ele não titubeia.

“Vá em frente porque depois você não terá esses momentos de novo”, ensina.

Na trama, quase que o integral os personagens estão debatendo, no calor da intimidade, problemas pessoais e conflitos do coração. E quem não tem? Acho que o grande lance do diretor Éric Lavaine está em tratar, com leveza e muito bom humor, questões amargas do dia a dia. Temas universais, diga-se de passagem, inerentes a qualquer ser humano, independente de onde ele seja. E consegue tudo isso com um filme tipicamente francês.

* Este texto foi escrito ao som de: Otis Redding definitive (Otis Redding – 2007)

51JjpA9KRpL

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s