O circo indecente e imoral da política

Os rivais temem Arruda porque ele é um político que joga o jogo sujo da política

Os rivais temem Arruda porque ele é um político que joga o jogo sujo da política

É muito simples. Agora que o espetáculo contagiante da Copa acabou, chegou a vez de encararmos o circo medíocre e imoral da política. E como resultado sintomático dessa indecência é que a cidade começa a ficar emporcalhada de faixas, panfletos e cartazes. E o pior, o mais triste é que sempre com os mesmos rostos, discursos, promessas e sujeiras. Ou seja, mais do mesmo e é por isso que, assim como no futebol, a política no Brasil há muito tempo anda atrasada.

E quando olho para tudo isso, ou seja, as mesmas coisas de quatro anos, o que sinto é desprezo e asco. O candidato Arruda, com sua falsa simpatia de JK garante que pode concorrer ao páreo e tem grandes chances de ficar nas cabeças, correndo o risco até mesmo de ganhar, isso porque ele é cara de pau passada e os eleitores têm memória curta. Ou pelo menos fingem que nada aconteceu. O fato é que José Roberto Arruda é um político que sabe jogar o jogo sujo da política, é raposa velha de guerra. Por isso que todos os outros candidatos estão brigando na justiça para tirá-lo de cena. Mas ele, como todo bom político, não larga o osso.

Outro dia estava andando pela cidade e vi o cartaz do Luiz Pitiman espalhado por aí. Ele pode ser novo na briga ao governo do Distrito Federal, mas é figura conhecida nos bastidores da política local. De qualquer forma, bati o olho naquela cara de pastel dele no cartaz e não senti credibilidade nenhuma. Pior, me lembrei daqueles pastores norte-americanos que resolvem se meter na política misturando alhos com bugalhos, deus e o diabo, política e religião.

UrnaJá Rodrigo Rollemberg tem um apoio até forte, a figura do jovem deputado Reguffe, um dos políticos mais bem votados de Brasília nas últimas eleições, conta com uma assessoria de peso de um veterano da política local, mas não tem um trabalho consistente ao longo da carreira. Do tipo assim, o que esse cara já fez de bom e ruim até agora? Que eu saiba nada. Claro que esse discurso sobre renovação e o “novo” ajuda, mas não é suficiente para emplacar.

Agora o que eu – que não entendo de política -, fico encabulado, é como um sujeito desqualificado como o Agnelo “Agnulo”, que entrou para a história como o pior governador do Distrito Federal, insiste em não largar o osso. Despreparado, desnorteado, meio autista com relação ao governo porco que ele fez ao longo de quatro anos, o atual titular da pasta é uma chance improvável na disputa. Tem a favor a máquina e um garoto propaganda formidável que é o Lula, que para mim, na boa, já deu. Mas não merece chance nenhum e tolo de quem votar nesse cara de buldogue.

Veja bem, trabalhei um ano no GDF e tenho experiência de sobra para dizer que o governo do senhor Agnelo “Agnulo” é corrupto, cheio de gestores mal-intencionados e sem preparado. Um governo que se diz revolucionário, mas que na essência traz o mais do mesmo com uma roupagem fajuta. Outro dia mesmo um superintendente de um dos órgãos periféricos do seu governo foi denunciado por uma série de irregularidades, entre elas assédio moral e sexual, e todos da cúpula do governo sabiam disso e ninguém fez nada.

No Brasil, a podridão da política começa de cima para baixo e ninguém toma prumo. Desde que Pedro Álvares Cabral chegou ao Brasil é assim e neguinho só fazendo vistas grossas, agindo como debilóide. É meu chapa, bem-vido ao circo indecente e imoral da política.

Não me iludo. Este ano meu voto será nulo e com o maior prazer!

* Este texto foi escrito ao som de: Who’s next (The Who – 1971)

Whos-Next 3

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s