Gleisi Hoffmann: A beleza em pessoa

Gleisi Hoffmann se despende do Senado esbajando elegância e beleza

Não entendo pelotas de política. Mas entendo um pouco de beleza. Esclarecido isso posso dizer de boca cheia: como é linda a ministra-chefe da Casa Civil, a ex-senadora do PT pelo Paraná Gleisi Hoffmann. Ela tem um ar assim meio Romy Schneider com aquele narizinho de fada, não tem? Tem sim. Ela é bonita de morrer e só por isso já tem o meu respeito e a minha torcida. Mas também porque é um rosto novo na política nacional, além de ser uma aposta significativa da presidente Dilma, uma aposta, diga-se de passagem, marcada por simbologias já que é mais uma mulher em seu governo.

Bem, já andaram dizendo por aí que Gleisi Hoffmann, que um dia quis ser freira, agora estará ao lado dos pecadores na Casa Civil. Tudo bem, o pecado mora ao lado, já dizia o mestre do cinema Billy Wilder. Por mim, a Dilma pode encher o governo de mulheres. Belas mulheres, de preferência. A delicadeza diz tudo, sempre disse.

Acredito na força das mulheres. E mais ainda na beleza delas. Dilma Rousseff não é um encanto de mulher, mas tem uma beleza interior incrível, apesar daquela cara de durona que, em minha opinião, é puro charme. Ela sempre me pareceu uma pessoa correta, competente e humana. Ou seja, gente de verdade. E o que é importante: de uma sensibilidade incrível.

Pelo menos tem demonstrado isso por onde passou, no Ministério das Minas e Energia, na própria Casa Civil e nesses seis meses de governo. Se falar que ela tem um passado relevante historicamente. Só acho que demorou bastante para estancar essa hemorragia envolvendo o Palocci.

Conheço grandes mulheres que me encantam pela beleza e competência. A jornalista Ana Maria Campos, com seu charme renascentista, é uma delas. Inteligente, astuta, brilhante e mãe dedicada, como a nova ministra, que faz questão de levar os filhotes à escola quando ela está em Brasília. Ou seja, são pessoas humanas, gente de verdade. Exemplos assim no Planalto Central é o que não faltam. Pipocam aqui e ali.

Aliás, acho que Brasília bem que poderia se entregar aos encantos e charmes da beleza feminina. Pelo menos assim se livraria dessa imagem suja que emporcalha nosso horizonte por conta das roubalheiras de ogros medonhos como Arruda e seus anões da corrupção.

Do jeito que as coisas estão não podem ficar porque o Agnelo Queiroz com essa carranca de buldogue dele não convence ninguém. Eu prefiro acreditar em Papai Noel. O problema é que, sem desmerecer ninguém, Brasília está carente de mulheres belas no Poder. É, porque com D. Weslian Roriz não dá pé mesmo, não é verdade?

* Este texto foi escrito ao som de: Reportagem da GloboNews sobre a queda do Palocci e convocação da senadora Gleisi Hoffmann para o cargo.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s